Educação

Bitcoin vale a pena? Moeda Acumula alta de 145% em 2021

25/11/2021

6 minutos de leitura

Bitcoin vale a pena? Moeda Acumula alta de 145% em 2021

Investir em Bitcoin vale a pena, especialmente para aqueles que entendem seu potencial. A criptomoeda mais popular do mundo, e também a mais valiosa, atingiu a marca histórica de R$ 370 mil em outubro de 2021.

No momento, em 5 de novembro, o acumulado em 2021 é de 122%. No entanto, apesar da alta, comprar Bitcoin ainda vale a pena por conta da segurança, transparência, escassez e histórico de resiliência.

Ainda tem dúvidas sobre o que é Bitcoin? Confira neste outro artigo o que torna esse ativo digital tão especial.

Afinal de contas, Bitcoin vale a pena?

Bitcoin é uma criptomoeda sem controle central, e suas transações ocorrem na rede blockchain, um banco de dados compartilhado entre seus usuários.

Entre suas características desejáveis encontramos:

  • Descentralizado, sem controle central, como governos ou bancos.
  • Transações irreversíveis e transparentes, de forma auditável.
  • Mais de 1 milhão de máquinas mineradoras garantindo a segurança das transações.
  • Escassez, criada pelo limite máximo de 21 milhões de moedas em circulação, e taxa decrescente de emissão, o processo conhecido como halving do Bitcoin.
  • Histórico de 12 anos de funcionamento sem interrupção, movimentações não autorizadas ou roubos.

No investimento no Tesouro Direto você fica sujeito a emissão da moeda pelo Banco Central, que reduz o valor de seu investimento. O Bitcoin vale a pena, pois o número de moedas em circulação é sempre previsível.

Gráfico do Bitcoin: a alta de 2021

Conforme o gráfico abaixo, o retorno do Bitcoin supera com folga diversos índices das bolsas de valores mundiais e demais commodities.

bitcoin-vs-tradicional

Com os dados em dólar até 5 de novembro, temos: Bitcoin +110%, S&P500: +25%, IFIX Fundos imobiliários -11%, Ibovespa: -15%. Em suma, Bitcoin vale a pena para qualquer perfil de investidor, respeitando a alocação de risco conforme cada perfil.

Ações de tecnologia vs. Bitcoin, qual vale mais a pena?

Em movimentos de mercado, o Bitcoin se assemelha com ações de tecnologia, especialmente aquelas em estágio inicial. Fazendo a comparação em relação à rentabilidade, vemos que Bitcoin vale a pena em função de seu retorno.

grafico-bitcoin

Somente uma empresa de tecnologia listada nos EUA com valor de mercado acima de 2 bilhões de dólares superou os 290,8% de retorno do Bitcoin em 12 meses. Nem mesmo a Tesla ($TSLA) de Elon Musk chegou perto.

Entre as diferenças que demonstram como o Bitcoin vale a pena em comparação com ações de tecnologia:

  • Bitcoin é um software, linhas de código, portanto pode se modificar para driblar ataques, ou implementar melhorias.
  • O desempenho das ações de tecnologia depende da gestão ativa da empresa, enquanto o Bitcoin é um ativo digital, que não se deteriora.
  • Bitcoin negocia 24 horas por dia, enquanto ações de tecnologia dependem do funcionamento de bolsas e corretoras de valores.
  • Serviços da Google, Amazon, Microsoft e Apple podem ser barrados em determinados países e regiões, algo que não existe nas criptomoedas.

Comprar e vender Bitcoin vale a pena?

Fazer trade de Bitcoin é bem simples e não requer grande experiência. Comprar e vender Bitcoin vale a pena pois sua negociação é ininterrupta e com grande liquidez, ou seja, volume de ordens.

Além disso, ao contrário do mercado financeiro tradicional, os usuários são livres para comprar Bitcoin em uma exchange (corretora) e transferir para outra, aproveitando eventuais distorções de preço.

Como fazer trade no Mercado Bitcoin

  1. Abra sua conta via aplicativo ou site, e faça o cadastro, de preferência enviando a verificação em vídeo para liberar saques em criptomoedas.
  2. Efetue uma transferência (TED ou PIX) para a conta bancária do Mercado Bitcoin indicada na plataforma.
  3. Após ter seu depósito validado, selecione a criptomoeda “Bitcoin” na barra lateral esquerda.
  4. Clique em “Comprar e Vender” e defina qual o valor a ser utilizado na compra.
  5. Para finalizar, clique no botão “Comprar Agora”, confirmando assim a negociação.

Escolher uma corretora séria de Bitcoin vale a pena para evitar surpresas negativas.

Como funciona o Day Trade de Bitcoin?

  • Day trade é uma operação de compra e venda executada no mesmo dia.
  • A análise gráfica, muito utilizada no Day Trade, é idêntica àquela encontrada no mercado tradicional.
  • Ao contrário do mercado tradicional, não existe redução de taxas ou impostos no Day Trade de Bitcoin.
  • Day Trade é uma modalidade utilizada com sucesso por alguns investidores experientes, porém usualmente exige robôs e conhecimentos de programação.

Por esses motivos, os iniciantes devem começar com um tamanho reduzido nos primeiros meses, até pegar confiança. Day Trade de Bitcoin vale a pena, porém requer experiência e estudo.

Como surgem novos Bitcoins?

  • Minerar Bitcoin é encontrar a solução para os novos blocos de transações, e em troca, receber novos Bitcoins como prêmio.
  • Bitcoin é escasso e possui calendário de emissão previsível, por isso pode ser considerado uma “commodity” digital.
  • No ciclo atual, a cada bloco encontrado, o minerador é premiado com 6,25 novos Bitcoins, o que ocorre, em média, a cada 10 minutos.

halving-bitcon

Na prática, e de uma forma simplista, minerar Bitcoin consiste em manter uma máquina ligada para validar as transações da rede descentralizada.

Acompanhe abaixo detalhes de como é feita a mineração do Bitcoin.

Minerar Bitcoin no Brasil vale a pena?

Minerar criptomoedas depende do investimento no equipamento e do custo de energia. Portanto, os encargos no Brasil reduzem substancialmente o retorno.

  • O preço da energia elétrica no Brasil é muito alto em comparação com EUA, Canadá, Cazaquistão, e Rússia.
  • Ganhar Bitcoins utilizando PC ou notebook é impossível, embora outras criptomoedas ofereçam essa possibilidade.
  • Para minerar Bitcoin, o ideal é um hardware potente, conhecido como ASIC, que custa entre R$ 15 mil e 60 mil cada, incluindo os custos de importação.

Minerar Bitcoin vale a pena quando há uma fonte de energia barata. De maneira geral, no Brasil não compensa minerar Bitcoin.

Como ganhar Bitcoin sem comprar?

Além da mineração, que usualmente não compensa no Brasil, há outras formas de ganhar Bitcoin. De fato, são pequenas frações, os Satoshis de Bitcoin, porém, interessante para quem busca iniciar:

  • Pequenas tarefas online: oferecem frações de Bitcoin para quem assiste a vídeos promocionais, visita sites, ou clica em banners de anúncio. Exemplos: coinbucks.io e EarnCrypto.com.
  • Jogos online: isso inclui sites de apostas, que pagam uma premiação em Bitcoin, a jogos multijogador online de tiro. São exemplos: Lightninte, Roulette, Poker e CS GO.
  • Aplicativos de celular: usualmente jogos, onde são exibidos anúncios em troca de pequenas quantias de Bitcoin. Exemplos: Bitcoin Solitaire (Android/IOS), Cryptopop (Android) e o Bitcoin Alien Run (Android/IOS).

Entretanto, deixar suas moedas nesses aplicativos não é recomendável. Para guardar seus Bitcoins com segurança, é recomendável utilizar uma carteira digital (wallet).

Confira o vídeo abaixo porque a segurança ao armazenar Bitcoin vale a pena.

Onde comprar Bitcoin no Brasil?

Ao contrário do mercado tradicional, não existe a figura da Bolsa de Valores, responsável pela liquidação, o acerto financeiro e a entrega dos ativos.

Portanto, comprar Bitcoin no Brasil, de forma segura, é recomendável escolher um intermediário sem histórico de advertências dos reguladores e com boa reputação.

O Mercado Bitcoin é confiável, pois conta com 8 anos de funcionamento sem intercorrências, hacks, ou vazamentos. Além disso, é possível negociar quantias a partir de R$ 10 em criptomoedas e tokens lastreados em ativos reais.

Viu como Bitcoin vale a pena? Abra sua conta no Mercado Bitcoin e comece agora mesmo sua jornada no ativo que mais valorizou em 2021.

Fique ligado

Ainda não tem conta?

Participe agora da nova economia digital!

Criar conta

Fique por dentro das novidades

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo assim que sair.