Educação

Diversificação de investimentos para períodos de crise!

15/01/2021

9 minutos de leitura

Diversificação de investimentos para períodos de crise!

Onde investir em época de crise? Fugir do risco, indo para a renda fixa e comprar dólar? Bom, esta estratégia funcionou nas últimas três ou quatro décadas. Por este motivo, muitos poupadores seguem esta receita sem pensar.

O problema é que em 2020 quem fez isso perdeu dinheiro, e não foi pouca coisa. Se compararmos com o Euro, por exemplo, o dólar desvalorizou 8%. Enquanto isso, o investidor com aplicação na renda fixa, medida pelo CDI, rendeu 2,3% até o momento, enquanto a inflação acumula 3,1%.

Cabe lembrar que não estamos analisando a desvalorização da moeda brasileira, de 20% ante o dólar. Mesmo que sua vida seja toda no Brasil, o custo da gasolina, aço, e alimentos, varia conforme a divisa estrangeira.

Calma, não faça loucuras. O Mercado Bitcoin traz 5 investimentos seguros que vão lhe ajudar a navegar neste período de incerteza.

Renda fixa e dólar são seguros?

Depende, se o seu medo é a falência de algum banco, estes investimentos são definitivamente seguros. O Tesouro Direto é um dos ativos mais confiáveis do país, pois independe dos bancos. O mesmo vale para os fundos de investimento, que são entidades independentes das administradoras e gestoras. Já o CDB, ou Certificado de Depósito Bancário, possui seu principal (aporte) assegurado até R$ 250 mil por CPF.

No entanto, isso não significa que seu patrimônio vá aumentar. Ao medir a quantidade de bens e serviços que é possível adquirir, o resultado deste investimento pode ser negativo. Um bom indicador é o salário mínimo calculado pelo DIEESE, que acumula alta de 31,5% nos últimos 12 meses.

Já a divisa norte-americana, historicamente apresenta uma taxa de emissão menor do que a brasileira. No entanto, os EUA optaram por pacotes de estímulo de trilhões de dólares, na esperança de recuperar sua economia. Independente do resultado, esse descontrole fiscal desvaloriza a moeda.

Em resumo, o dólar encontra-se nos níveis mais baixos dos últimos 7 anos ante as demais moedas globais, incluindo Euro, Iene, Libra Esterlina, e Franco Suíço.

Carteira de dividendos é segura?

Não, de forma alguma. Investimentos em ações são classificados como renda variável, já que sua cotação depende da oferta e demanda no momento. Deste modo, mesmo que algum investimento tenha um dividendo garantido de 8% por contrato, a cotação da ação, ou fundo imobiliário, pode ceder.

Em última instância, mesmo que sua cotação fique inalterada, não há como garantir que o dividendo cobre o aumento do custo de vida no período. Em suma, se o objetivo é aumentar o poder de compra, o fato do ativo pagar dividendos não traz essa segurança.

Risco do efeito manada

No momento atual, uma alta de quase 50% em 7 meses na bolsa de valores, é natural que o fluxo de investidores pessoa física migre para a renda variável. O resultado pode ser mensurado pelo número de contas em corretoras de valores, que triplicou em 18 meses e atingiu 3,2 milhões.

Embora o fato de mais investidores diversificando sua carteira em ações de empresas seja algo louvável, fica a dúvida do momento escolhido para tal. Um movimento similar ocorreu com os fundos imobiliários em 2019, quando o número de investidores duplicou.

Enquanto isso, 2020 foi marcado por uma queda de 13% nos fundos que compõem o principal índice do setor imobiliário. Ou seja, o efeito manada trouxe um grande fluxo de novos entrantes próximo do pico histórico de preço.

Ativos alternativos

Ativos alternativos buscam bons retornos, com um perfil de risco diferente de ações, moedas, e da renda fixa tradicional. Fundos Florestais e de infraestrutura são exemplos, justamente por apresentar previsibilidade de retorno, além de risco baixo.

O atual cenário de juros baixos faz com que investidores busquem aplicações com rendimento superior à renda fixa tradicional. Nesse sentido, lançamos o MB Digital Assets (MBDA), unidade de negócios do Mercado Bitcoin que desenvolve criptoativos que representam ativos reais.

Deste modo, lançamos os tokens de precatório, e em seguida os tokens de consórcio, para o investidor com menos apetite de risco. Quer conhecer um pouco mais destes investimentos? Acompanhe aqui o que são ativos alternativos, e como investir.

Ouro, a mais antiga reserva de valor

O metal precioso é utilizado como reserva de valor e meio de pagamento há mais de 2.600 anos. A dificuldade em se extrair ouro torna o ativo escasso, portanto uma excelente forma de armazenar valor.

A digitalização de ativos reais, conhecido como tokenização, é um processo que está ocorrendo de forma acelerada, já que confere inúmeros benefícios ao ativo. Dessa forma, cada moeda Pax Gold (PAXG) emitida possui 1 onça (31,1 gramas) de ouro equivalente em custódia da Brink’s.

A tecnologia escolhida pela Paxos foi o token ERC-20 na rede Ethereum, por conta de sua segurança, transparência, e flexibilidade através de smart contracts, os contratos digitais. No Mercado Bitcoin é possível comprar e vender PAXG de forma segura e sem burocracia.

Vasco Token

O Vasco Token representa uma parceria inédita no futebol. Cada criptoativo representa direitos de recebimento com origem no Mecanismo de Solidariedade de um grupo de 12 jogadores formados nas categorias de base do Vasco e que hoje estão espalhados pelo Brasil e pelo mundo.

Em outras palavras, pelo mecanismo de solidariedade, os clubes que compram jogadores são obrigados a pagar aos clubes formadores, um valor de até 5% sob o valor total da compra, independente do clube formador não ter mais envolvimento com o jogador.

Em resumo, quando houver alguma transação envolvendo algum desses atletas, o valor pago referente ao mecanismo de solidariedade será dividido entre os detentores do token.

Bitcoin e criptomoedas

O potencial do Bitcoin como reserva de valor, por exemplo, é enorme. A criptomoeda deixou de ser um desconhecido após um histórico de 10 anos de negociação, além da listagem de derivativos na bolsa de valores de Chicago, CME.

Se você ainda tem alguma dúvida do potencial deste mercado, recomendamos a leitura do artigo ainda vale a pena investir em 2021?.

Similarmente, 2020 marcou a chancela de grandes investidores tradicionais como Paul Tudor Jones, e até mesmo empresas listadas em bolsa de valores nos EUA.

De maneira análoga, o espaço que criptomoedas como o Ethereum (ETH) e Chainlink (LINK) podem atingir é quase infinito, já que suas aplicações descentralizadas não param de crescer.

Diversificação é fundamental

Diversificar a carteira de investimentos é a melhor forma de evitar surpresas negativas. Ao dividir o montante em diferentes classes de risco e vetores de crescimento, você minimiza as chances de perda.

Por este motivo, o Mercado Bitcoin quer ajudar seus clientes a diversificar seus investimentos. Isto é possível buscando alternativas mais seguras e rentáveis em meio a tantas incertezas.

Tokens de precatório, tokens de consórcio, PAX Gold, Vasco Token e criptomoedas são cinco opções que juntas, trazem diversificação e segurança em períodos de crise. Acompanhe este outro texto sobre como rentabilizar dinheiro, investindo para obter ganhos maiores.

Nossa recomendação é que você explore novas classes de ativos, começando pequeno. Quando ganhar confiança e experiência, busque realizar aportes regulares, aproveitando assim eventuais quedas na cotação.

Agora que você já aprendeu a proteger seu patrimônio com o Mercado Bitcoin, siga nossas dicas no Youtube e acompanhe as novidades do mercado de investimentos digitais.

_Disclaimer: Esse texto não constitui uma sugestão, recomendação, indicação e/ou aconselhamento de investimento. Nenhuma decisão de investimento deve ser tomada com base nas informações ora apresentadas, cabendo unicamente ao investidor a responsabilidade sobre qualquer decisão que venha a tomar._

Fique ligado

Ainda não tem conta?

Participe agora da nova economia digital!

Criar conta

Fique por dentro das novidades

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo assim que sair.