Mercado Bitcoin explica tendência de alta do Bitcoin Cash

Desde que surgiu o Bitcoin Cash gerou polêmica. Contudo, a maior parte das desconfianças foi superada graças ao bom desempenho da altcoin no mundo e no Mercado Bitcoin.

A moeda chegou a registrar a máxima de US$ 2.800 há duas semanas e a partir daí, entrou em um período de queda e se estabilizou na marca dos US$ 1.600 no mundo (mais de R$ 5,6 mil em nossa plataforma), provando que ainda tem chances de fazer frente ao Bitcoin original.

O volume negociado nas últimas 24h continua robusto (mais de US$ 977 milhões, de acordo com o CoinMarketCap, sendo R$ 1,6 milhão apenas no Mercado Bitcoin) e não deve ser ignorado, pois indica uma forte tendência de alta na valorização da criptomoeda.

Poucas altcoins conseguem chegar perto da marca dos US$ 500 milhões em negociação no período de um dia, mas o Bitcoin Cash supera essa barreira com facilidade regularmente.

Os dados apontam o que nós do Mercado Bitcoin previmos: que o Bitcoin Cash consolidará sua posição no mercado — atualmente terceira no ranking de maiores criptomoedas perdendo apenas para o Bitcoin e o Ethereum — e que em um futuro próximo pode até ultrapassar o Ether, token utilizado dentro da plataforma Ethereum, dependendo de como a rede se comportar.

O futuro do Bitcoin Cash parece promissor e ninguém pode negar.