Criptoativos

O que é Dogecoin? Vale a pena comprar DOGE em 2021?

Criado em 18/11/2021 - Atualizado em 18/11/2021

6 minutos 15 segundos de leitura

O que é Dogecoin? Vale a pena comprar DOGE em 2021?

Dogecoin é uma moeda digital de código-fonte aberto que utiliza a mesma tecnologia do Bitcoin, a maior e mais antiga criptomoeda.

O símbolo da Dogecoin é o carismático cão da raça Shiba Inu, cuja imagem fazia sucesso nas redes sociais antes mesmo do lançamento da moeda-meme.

dogecoin

Apesar de ter surgido como uma brincadeira, tornou-se algo valioso, e atualmente figura entre as 10 maiores moedas digitais, com valor de mercado superior a R$ 150 bilhões.

Calma, ainda não sabe o que é criptomoeda? Este outro artigo explica em detalhe.

Como surgiu a Dogecoin?

  • Foi criada pelos programadores Billy Markus e Jackson Palmer em dezembro de 2013.
  • Buscava ser divertida e carismática para atingir um público mais amplo do que o Bitcoin.
  • Desenvolvida a partir da criptomoeda Litecoin, porém partindo do zero em transações e saldos.
  • Ambos os desenvolvedores abandonaram o projeto Dogecoin em 2015.

Apesar de muito semelhantes, existem diferenças entre Bitcoin e Litecoin, a moeda digital que deu origem ao Dogecoin.

Acredite se quiser, a fatia vendida por Jackson foi suficiente para comprar apenas um Honda Civic usado. Sem dúvidas, essa mesma quantia atualmente deve valer mais de 10 milhões de dólares.

Abaixo temos a “árvore genealógica” do Dogecoin, que se aproveitou do código-fonte da Luckycoin, que foi baseado na extinta Junkcoin.

o-que-e-dogecoin

De qualquer forma, cabe notar que praticamente todas as criptomoedas baseadas na tecnologia blockchain, o banco de dados compartilhado, são advindas do Bitcoin.

Qual a diferença entre Dogecoin e Bitcoin?

O Bitcoin possui mais de 30 desenvolvedores ativos, e ao menos 15 mil usuários rodando o software em suas máquinas. Além disso, optou por buscar a escalabilidade, o aumento da capacidade, através de uma segunda camada.

Já o Dogecoin possui uma alta capacidade de transações por contar com um mecanismo de validação mais simples e intervalo menor entre os registros no blockchain, porém seu desenvolvimento ficou estagnado entre 2017 e 2021.

Abaixo temos as principais diferenças entre as duas moedas virtuais:

BITCOINDOGECOIN
Emissão de moedasLimitado em 21 milhõesIlimitado
Algoritmo de mineraçãoSHA-256Scrypt
Intervalo entre registros10 minutos em média1 minuto em média
Recompensa dos mineradoresReduzida a cada 4 anos, atualmente em 6,25 BitcoinsFixa em 10 mil DOGE por registro

Por que a Dogecoin é barata?

São emitidos 5 bilhões de Dogecoins por ano, portanto existem 132,1 bilhões de moedas em circulação. No entanto, cabe lembrar que o valor unitário de cada criptomoeda é função de uma decisão arbitrária, a quantidade de moedas em circulação.

Portanto, a métrica mais importante é o valor de mercado (market capitalization), ou seja, o preço unitário multiplicado pelas unidades de DOGE em circulação. Desse modo, se fosse definido no início do projeto que cada bloco encontrado recebe 10 moedas, ao invés de 10 mil, o preço unitário de Dogecoin seria mil vezes mais alto.

  • Dogecoin não está “barata”, e por este motivo encontra-se entre as 10 maiores em valor de mercado.
  • Seu valor de mercado é superior a projetos consagrados como Litecoin (LTC), ChainLink (LINK), UniSwap (UNI), e Axie Infinity (AXS).
  • Seu preço é ajustado pelo mercado conforme a “lei de oferta e demanda”, e não há interferência das corretoras (exchanges) neste valor.

Por que Dogecoin subiu tanto em 2021?

Até o final de 2020 Dogecoin estava abandonada, tanto por sua comunidade quanto por seus desenvolvedores. Sua cotação encontrava-se 85% abaixo da máxima atingida no início de 2018.

No entanto, foi decisiva a influência de Elon Musk, CEO da Tesla Motors e SpaceX, um dos homens mais ricos e influentes do mundo. O multibilionário resolveu postar elogios e memes nas redes sociais envolvendo a criptomoeda Dogecoin.

dogecoin-elon-musk

O efeito? A demanda pela moeda explodiu repentinamente, causando alta de 338% na cotação em apenas 16 dias. Conhecido como efeito manada (FOMO), o movimento se repetiu no final de janeiro/2021, trazendo ganhos de 1080% em apenas 12 dias.

Abaixo temos o gráfico da moeda, em dólar, no período:

dogecoin-preco

  • Outro entusiasta da Dogecoin é Mark Cuban, o bilionário empresário dono do time de basquete da NBA, Dallas Mavericks.
  • A equipe da NBA disponibilizou a venda de ingressos e produtos em seu estádio nesta modalidade.
  • Apesar de não ter motivos para figurar na lista de criptomoedas promissoras por fundamentos, a performance da Dogecoin em 2021 surpreende a todos.

Qual a diferença entre Litecoin e Dogecoin?

Apesar de Dogecoin ter sido criada a partir do código-fonte da Litecoin, e utilizar o mesmo algoritmo de mineração, existem algumas diferenças que merecem ser destacadas:

LITECOINDOGECOIN
Emissão de moedasLimitado em 84 milhõesIlimitado
Principal mantenedorFundação LitecoinComunidade independente
Intervalo entre registros150 segundos em média60 segundos em média
Recompensa dos mineradoresReduzida a cada 4 anos, atualmente em 12,5 LitecoinsFixa em 10 mil DOGE por registro

Uma curiosidade é que a mineração de Dogecoin ocorre, na maior parte, como um subproduto do esforço computacional do Litecoin. Seu grau de dificuldade foi propositalmente configurado para se manter baixo.

Quer saber mais sobre a Litecoin? Confira abaixo:

Onde guardar Dogecoin?

Em via de regra, qualquer carteira (wallet) capaz de armazenar Bitcoin e Litecoin é capaz de trabalhar com a criptomoeda Dogecoin. Desse modo, existem inúmeras opções de softwares, aplicativos para celular e dispositivos físicos.

  • A vantagem da carteira conectada à internet, conhecida como hot wallet, é a facilidade de transacionar sem necessitar de dispositivos externos.
  • Os modelos físicos (cold wallet), sem acesso direto a internet, são mais seguros, porém exigem conexão para autorizar as transações.

Veja no vídeo abaixo como guardar Bitcoins, processo semelhante ao do Dogecoin.

Dogecoin funciona como dinheiro?

  • Dogecoin pode ser utilizada como meio de troca, característica necessária para ser considerado dinheiro.
  • Sua comunidade precisa crescer, criando uma demanda mais previsível, antes de ser considerada reserva de valor.
  • Para traders e entusiastas do mercado, a grande variação diária na cotação, ou volatilidade, é um convite para quem busca alto rendimento.
  • Por enquanto, o investimento em Dogecoin é considerado de grande risco.

Vale a pena minerar Dogecoin no Brasil?

É possível sim, porém a margem de lucro é extremamente maior em outros países. Para minerar, é necessário encontrar a solução para o algoritmo de criptografia que adiciona o novo bloco à cadeia preexistente.

  • Diferentes mineradores competem por um mesmo bloco, mas apenas o primeiro a adivinhar a solução correta é remunerado.
  • Os equipamentos especializados (ASIC) são os mesmos da Litecoin, e custam no mínimo R$ 15 mil cada, incluindo impostos.
  • A eletricidade representa cerca de 80% do custo, pois estas máquinas consomem muita energia.
  • A tarifa de eletricidade no Brasil é muito alta quando comparada com os EUA, Canadá, Rússia, Irã, Paraguai e Cazaquistão.

Ficou claro as diferenças e características do Dogecoin? Abra sua conta no Mercado Bitcoin e inicie hoje mesmo sua jornada nas finanças digitais.

Fique ligado

Ainda não tem conta?

Participe agora da nova economia digital!

Criar conta

Fique por dentro das novidades

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo assim que sair.