Rentabilizar dinheiro: Onde investir para obter ganhos maiores

Algo antes impensável aconteceu no Brasil recentemente. A taxa básica de juros (SELIC), principal indicador do mercado de renda fixa, ficou abaixo da expectativa de inflação. Pois é, rentabilizar o investimento para se obter ganhos agora ficou difícil até para os profissionais.

Mesmo que você não seja um expert em mercado financeiro, a conclusão é bem simples: quem deixar dinheiro em aplicações de baixo risco, como Certificados de Depósito Bancário - CDB, títulos do tesouro, e fundos de renda fixa, vai perder poder de compra ao longo do período.

rentabilizar dinheiro
Fonte: Manchete do “Valor Investe” em 6 de Agosto

Esta medida não é exclusiva do Brasil, pois os Bancos Centrais ao redor do mundo já vinham baixando esta taxa de juros desde meados de 2019, buscando estimular os mercados de crédito, e consequentemente a economia.

Embora seja questionável a eficiência de tais instrumentos macroeconômicos, o resultado para o investidor é inegável, pois o juro real negativo torna necessário uma busca por um risco maior para se obter algum retorno.

Quer entender como o Bitcoin e os ativos alternativos encaixam-se perfeitamente para o investidor que busca uma rentabilidade mais alta? Acompanhe conosco neste artigo.

A importância da rentabilidade

Rentabilidade em investimentos é o ganho obtido ao longo do período, podendo ser bruta, ou líquida, já descontada de taxas e impostos. É normal que aplicações mais arriscadas tenham uma variação de retornos mais imprevisível, porém com um potencial de rentabilidade mais alto.

Já as aplicações de baixo risco, incluindo CDB, Título Público, Letras de Crédito Imobiliário (LCI), e fundos de renda fixa, embora possuam baixo risco, são as que apresentam menor potencial de rentabilidade.

Por este motivo é tão importante o investidor conhecer seu perfil de risco, ou seja, horizonte de investimento e capacidade de trabalhar com ativos de maior risco. Desta forma é possível elaborar uma carteira de investimentos com uma expectativa de rentabilidade dentro do que este investidor considera saudável na variação de resultados.

Deseja entender melhor como funciona esta relação entre risco e retorno? Fique tranquilo, este outro artigo explica os diferentes classes de risco nos investimentos e seu impacto na rentabilidade.

Onde investir?

Não há um consenso entre os economistas na definição de investimento, já que alguns afirmam que só é considerado investimento um ativo que possua dividendo, ou expectativa de valorização. Dividendo é um pagamento periódico, por exemplo, aluguel de imóveis, ou rendimentos de títulos de dívida.

No entanto, há economistas que apontam para o ouro, jóias e o próprio Dólar, como investimentos. Embora não exista nenhuma rentabilidade associada, ou um esforço para provê-la, tais ativos funcionam como reserva de valor por conta de sua escassez relativa.

A verdade é que as opções de investimento são quase infinitas, e englobam ações de empresas listadas em bolsa, renda fixa, moedas fiduciárias, imóveis, fundos multimercados, Bitcoin e criptomoedas, ouro, cotas de consórcio, petróleo, boi gordo, obras de arte, participações em empresas de capital fechado, contratos de energia, entre dezenas de outras classes de investimento.

Deve-se dar especial atenção a liquidez de cada investimento, pois um imóvel ou terreno pode ser uma excelente opção, no entanto, sua venda pelo valor de mercado pode levar vários meses, afetando assim a rentabilidade do investimento. Este outro artigo explica esta relação entre Rentabilidade e Liquidez em mais detalhes.

Rentabilidade das criptomoedas

Em primeiro lugar, gostaríamos de deixar claro que criptomoedas funcionam de maneira similar ao ouro, jóias e obras de arte. Sua cotação irá flutuar conforme a oferta e demanda do livre mercado, marcado pela ausência de rentabilidade programada.

Isso não significa ser impossível ganhar dinheiro com Bitcoin e criptomoedas. Investidores de longo prazo se beneficiam da escassez do ativo digital, além do crescente interesse por pessoas e empresas que buscam meios de transação que não podem ser sancionados.

Ao mesmo tempo, a volatilidade das criptomoedas, esta variação de preços que ocorre diariamente, com alto volume, negociado 24 horas por dia, permite que traders consigam obter ganhos utilizando-se das mais diferentes estratégias, sejam elas através da análise de indicadores técnicos, ou fundamentalista, observando aspectos macroeconômicos e demais commodities.

Não é um investidor profissional? Calma, nossa equipe do Mercado Bitcoin preparou um vídeo com quatro dicas super importantes para quem está iniciando nas criptomoedas.

Tokens com rentabilidade

Se você busca um investimento com rentabilidade maior do que a poupança e renda fixa tradicional, mas não abre mão da liquidez e segurança do blockchain e ativos digitais, o MB Digital Assets, a unidade do Mercado Bitcoin que oferece ativos reais tokenizados, é a solução ideal.

Concluímos recentemente o pagamento total referente ao Token de Consórcio lançado em março de 2020. Em menos de quatro meses o retorno dos investidores que adquiriram as cotas desde o início ficou em 9,2% ao ano, superando a renda fixa em mais de três vezes.

Ficou fora dessa oportunidade? Não desanime, pois dispomos de excelentes opções de investimento nos Tokens de Precatório, contratos de cessão de títulos de dívida do Governo, Estados ou municípios.

Clique aqui para conhecer os ativos alternativos oferecidos em nossa plataforma, com alta liquidez e retorno estimado de até 16% ao ano.

Vantagens da diversificação

Pode parecer loucura dividir uma carteira de investimentos, especialmente em ativos digitais, considerando-se o histórico inigualável de valorização do Bitcoin, Ethereum, Ripple, e demais criptomoedas.

No primeiro semestre o Bitcoin valorizou-se 73%, ante 2,7% do Tesouro Direto Prefixado e 1,8% do CDI. Já o Ibovespa, que mede o desempenho do mercado acionário, amargou uma queda de 18% no período.

Apesar da forte alta, a volatilidade das criptomoedas, medida de variação de retornos, é altíssima. Há dias ou semanas com quedas de até 40%, e nem todos os investidores desejam tamanha oscilação de retornos, mesmo com uma expectativa de valorização para o longo-prazo.

Por este motivo ressaltamos a importância de uma carteira de investimentos diversificada, e neste sentido a baixa volatilidade e alta liquidez dos Tokens de Precatório são uma excelente opção para quem busca rentabilidade com segurança.

Post anteriorPróximo post