USDC: Entenda agora mesmo o que é e como funciona essa stablecoin!

Como aprendemos no Guia prático: o que é uma stablecoin, como e quando usá-la uma stablecoin é uma criptomoeda cujo preço fica sempre muito próximo de 1 dólar, ou na tradução literal, uma “moeda estável”. Você une a transparência e segurança do blockchain à estabilidade das moedas fiduciárias, aquelas moedas que conhecemos e usamos diariamente.

Um pequeno histórico

Como apresentamos nesse curto vídeo no Youtube, as stablecoins surgiram principalmente da necessidade dos investidores e usuários de criptomoedas de manterem seus saldos em moedas fiduciárias, sem a necessidade de realizar saques de exchanges para suas contas bancárias ou manter saldos em exchanges.

A primeira stablecoin criada, o USD Tether, ainda se mantém como a mais negociada no mundo. Porém, devido à falta de transparência e governança, sofre muitas críticas e desconfianças por parte dos investidores e usuários, como podemos ler nesta matéria da Forbes, por exemplo.

Em resumo, para os criadores do USD Tether, ou USDT, manterem o preço da stablecoin sempre em um dólar, eles precisam ter sempre um dólar como garantia em uma conta bancária para cada USDT emitido. O problema é que estes dados não são muito transparentes ou facilmente auditáveis e, várias vezes ao longo da sua existência, suspeitou-se que não existem todos os dólares necessários para garantir o preço da moeda. Ou seja, não existe lastro.

Como surge o USDC?

O USDC é, assim como o USDT, uma stablecoin referenciada em dólar americano e executada na blockchain Ethereum (ERC-20). Ela foi criada por um consórcio de duas grandes empresas de blockchain norte-americanas, a Circle e a Coinbase. O consórcio é chamado CENTRE. O projeto tem grande preocupação com a regulação e todos os membros precisam estar em conformidade com as leis locais onde operam.

A USDC tem crescido muito em adoção e atualmente é a segunda maior Stablecoin lastreada em dólares americanos do mercado (U$ 750 MM, atrás somente do Tether que está em U$ 6,4 Bi).

Qual stablecoin escolher?

A cada dia, surgem novos projetos de stablecoins, principalmente atrelados ao dólar americano. Uma das principais perguntas que os investidores e usuários de criptomoedas se fazem atualmente é "Qual stablecoin eu devo utilizar?". A resposta para esta pergunta não é tão simples, mas podemos ajudar com algumas linhas de raciocínio.

Segurança

Um primeiro ponto a se analisar é a segurança da rede que está sendo utilizada. Atualmente, a grande maioria das stablecoins usam o mesmo blockchain, o Ethereum, e criam suas moedas utilizando tokens ERC-20. O Ethereum é considerado uma rede bastante segura, considerando que é a segunda maior rede do mercado em capitalização. Mas vale a pena ficar atento, caso alguma stablecoin decida migrar para outra rede, neste aspecto importante.

Lastro

Um segundo ponto a se analisar é justamente a qualidade do lastro, sua transparência e governança. Onde estão sediados os ativos ou moedas fiduciárias por trás da stablecoin? Há um relatório recorrente? Há auditoria? Há supervisão de alguma autoridade monetária ou regulador? É justamente por este quesito que o USDC vem ganhando mais adoção no mercado, e ainda, rapidamente.

Onde utilizar

Um terceiro ponto a se analisar é onde você precisa utilizar a stablecoin. Algumas exchanges aceitam apenas uma stablecoin, por exemplo. De nada adianta você enviar USDCs para uma exchange que aceite apenas DAI, ou Tether, por exemplo. Então caso seu interesse seja de usar uma stablecoin para realizar transferências entre duas exchanges, antes de vender sua criptomoeda por uma stablecoin, já vale a pena conferir na outra exchange, se ela será aceita para depósito, evitando fees de transação desnecessários.

Você pode comprar USDC na plataforma do Mercado Bitcoin

Acompanhando a evolução do mercado e agindo para oferecer os melhores produtos para os clientes, mas ao mesmo tempo selecionando muito bem os parceiros e implementando a tecnologia de forma segura, o Mercado Bitcoin está lançando o USDC na plataforma.

Você poderá comprar USDC através dos seguintes pares: BRL/USDC e BTC/USDC. Cadastre-se já no Mercado Bitcoin para comprar.

Porque negociar USDC via Mercado Bitcoin

Desde o início do mercado de criptomoedas, várias exchanges e empresas da área sofreram com ataques de hackers e falhas de segurança. A recomendação de todos os especialistas é que você mantenha sempre que possível os seus criptoativos em carteiras próprias. O ditado diz "Not your keys, not your coins", ou "Não possui a sua chave privada, o dinheiro não é seu". Por isso mesmo, na hora de escolher a exchange para comprar seus criptoativos, escolha aquelas que possuam um ótimo histórico em relação a segurança, como é o nosso caso, estamos entre uma das 25 exchanges mais seguras do mundo, segundo o BTI.

Além disso, utilizando a nossa plataforma, você encontrará sempre a liquidez necessária para realizar suas transações, pois somos a plataforma líder no mercado brasileiro.

Post anteriorPróximo post